Quase a acabar a "época"... finalmente!

Mais um natal...
Ou menos um natal...

Este ano bem mais cansativo do que o costume!
Passado a carregar travessas de comida, socializar com a família toda, fazer 300 km no banco de trás do carro com o irmão e o perfume insuportável da avó (demos-lhe um perfume este ano a ver se no próximo não sofremos tanto...), mais almoços e jantares com amigos dos pais, prendas para amigos ainda todas por comprar, nada planeado para passagem de ano!!
Odeio esta época.

Prendas? (Sim, prendas e não presentes!) Além de um corta-unhas ("Toma lá que estás sempre a perder os teus!") e um carregador do telémovel para o carro ("Acabou-se a desculpa de não tinha bateria no telemóvel..."), uma prenda bem apropriada para a época:


"O fim da fé" de Sam Harris!
;p

1 sobreviveram ao "lápis azul":

hai! disse...

«prendas e não presentes» e um livrinho com um título tão lindo e uma cor tão sugestiva (quase aposto que esse sam harris come criancinhas ao pequeno-almoço) - como diria alguém que eu conheço «veja lá não lhe caia o dentinho».

boas (e) festas.

*