Devaneios de fim de tarde

O ser humano é fascinante!
Quando penso que já estou farta desta espécie e que quero fugir para a selva para conviver com nada mais além de chimpanzés, eis que me deparo com uma outra capacidade, até então por mim desconhecida, deste ser.

A mais recente surpresa prende-se com o facto de o ser humano ser ilimitadamente ridículo e rebuscado. Recentemente descobri (até eu própria por vezes me espanto com a minha ingenuidade) que esta espécie tem uma enorme capacidade para ser dissimulado, fazer-se passar por algo que não é, ocultar e enganar.

Isto é algo que eu não encontro, por exemplo, no meu cão. Sim, aquele animal irracional que se limita a ser o que é.

Se pudesse, vivia rodeada de animais irracionais. Pelo menos esses não nos iludem e, consequentemente, não nos desiludem.

Mentira e dissimulação não são o meu ponto forte, portanto deixo aqui duas questões na esperança de que leitores mais experientes me ajudem a perceber certos assuntos:

Quanto tempo é possível uma pessoa aguentar uma "máscara"?

Quanto tempo demoram as pessoas que a rodeiam a descobrir a verdade por detrás da carapaça interesseiramente construída?

11 sobreviveram ao "lápis azul":

Caramela disse...

Uma pessoa pode usar uma "máscara" para sempre, excepto talvez em momentos em que está sozinha. Quanto à segunda questão, eventualmente as pessoas próximas descobrem que essa pessoa usa uma "máscara", nem que seja porque uma mentira é incapaz de durar para sempre e mais tarde ou mais cedo há um deslize e se as pessoas tiverem atentas apercebem-se que alguma coisa que não está a bater certo.

E em relação a pessoas que usam "máscara", não vale a pena gastar tempo com elas. O melhor é confrontá-las e/ou simplesmente afastar.

E viva os animais irracionais. Já agora, serão assim tão irracionais?? Parece-me que a irracionalidade muitas vezes é nossa, seres racionais.

Philip disse...

Eu não sou dos leitores mais experientes... mas...

Uma pessoa pode usar uma máscara durante muito tempo, o importante é acreditar que a máscara resulta e a partir de aí... E as pessoas não demoram muito tempo a descobrir a verdade por detrás da carapaça.

P.S. - Eu guio-me muito pela primeira impressão que tenho da pessoa. Normalmente não me deixa mal. Mas gente dissimulada é o que não falta para aí e o melhor é cagar e andar.

Recuperação disse...

Bom dia menina Gayja :)
Pois aqui estão duas perguntas daquelas...
Quanto à máscara, se formos ver o que muit@s de nós passamos enquanto escondemos a nossa sexualidade, veremos que somos capazes de a manter durante um tempo razoável. Claro que há máscaras e máscaras.
Quanto a sermos capazes de detectar mentiras e dissimulações, isso vai da atenção de cada um. Segundo a minha namorada, eu não sou a pessoa mais indicada para falar nessa questão, pois tenho uma cota de ingenuidade bastante elevada.
Normalmente acredito nas pessoas até me fazerem alguma.

fiel.jardineira disse...

Olha com 39 anos ainda não sei!... Nao sei se sou de compreensao lenta, se burrice, ou se sou boa demais para este mundo...?... Há coisas inexplicaveis... :/ Bjs

@rco Íris disse...

não te sei dizer quanto tempo. mas acredito que se descobre sempre.

subtilezas disse...

a questão é baixar as expectativas (assim falava a minha mãe) gostava de ter uma resposta para ti, mas não tenho. quanto à outra pergunta: é. :D. mas deve ser o meu tio (irmão dele, q tb é. o meu pai norte, tio sul - digo eu) beijos gayja* e boa semana*

subtilezas disse...

hihihiihhihi, a vida é um bidé (assim dizia a natacha) . que giro! agora tenho eu de te apanhar a ti:P

Poppie disse...

de ingenuidade eu também sofro… máscaras até podem cair facilmente, mas os ingénuos, às vezes, continuam a não ver um palmo à frente do nariz… cmg isso costuma ser recorrente. Se calhar já fiz um upgrade de ingénua a burra!

Estrelaminha disse...

bom dia!
bem, estou com o teclado desconfigurado, faz favor de imaginar os acentos. )
aconselho-te a nao pensar muito nessas questoes. Leva a tua vida, faz por ser feliz, pois esses seres e mascaras podem ser eternos.
bjs

Maísha disse...

1º comentário: ando a pensar nesse assunto há algum tempo. vou tentar voltar aqui com uma resposta mais inteligente do que apenas esta.

2º comentário, visto que o post abaixo não permite comentários: este blog é o melhor blog que descobri nos últimos anos. neste momento só visito este, um de amigos que é privado, e o Expresso do Oriente. dá umas férias, como alguém já disse por aí. às vezes eu também passo dias sem postar nada, meses se for preciso, o tempo que me apetecer.

Maísha disse...

portanto: quanto mais manipuladora for uma pessoa, mais tempo vive com a sua máscara, podendo bem até nunca chegar a deixá-la cair, pois ela é o seu bem mais precioso. por outro lado, quanto mais inocente uma pessoa for, mais capacidade tem de acreditar nos seus sonhos e de lutar para vivê-los. ora, a luta implica sempre ilusão e desilusão. e a capacidade de nos manter-mos puros, incorruptíveis e de continuar a sonhar, é das coisas mais raras que se encontram nos seres humanos. se tu tens essa capacidade vais sofrer muito não tenhas dúvidas. mas eu acredito que vale a pena.