Cá se fazem, cá se pagam...

Bem o meu pai me avisou que aquela vida que eu levava nos meus tempos de estudante havia de me sair cara...

Aí está a prova: segundo um teste que encontrei neste blog, o meu cérebro é 5 anos mais velho do que o meu corpo.

Interpretando o resultado conclui-se que cada um daqueles 5 anos de curso teve um peso em dobro no meu cérebro.
Bonito serviço...

1 sobreviveram ao "lápis azul":

coise disse...

(O meu é dez anos mais velho...)